Este fórum usa cookies
Este fórum utiliza cookies para armazenar as suas informações de login se estiver registado, e a sua última visita ou não. Os Cookies são pequenos documentos de texto armazenados no seu computador. Os cookies criados por este fórum só podem ser usados neste site e não representam nenhum risco de segurança. Os cookies deste fórum também acompanham os tópicos que você leu, e a última vez que os leu. Por favor confirme se quer aceitar ou rejeitar estes cookies por definição.

Um cookie será armazenado no seu navegador, independentemente da sua escolha, para prevenir que esta pergunta apareça novamente. Você será capaz de alterar as suas definições de cookies a qualquer momento usando o link no rodapé.

Avaliação do Tópico:
  • 0 voto(s) - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Costa Caparica II
#1
Nada é por acaso. Na sequência do texto a “Nova Costa da Caparica”, hoje, logo pela manhã, verifiquei algo de inédito nestes 10 dias em que já cá estou: cruzei-me no "paredão" com uma viatura da Polícia Marítima em velocidade de ronda.

Estranhei ao ponto de comentar o facto com a minha mulher, mas nem quando à hora do almoço vi no primeiro jornal da TVI uma reportagem sobre a Costa e os novos enchimentos de areia associei que o avistamento insólito estaria relacionado.

De tarde, ao deslocar-me para a praia cruzei-me, na rua dos Pescadores, com três ciclistas da GNR, um deles Cabo.
Voltei a não fazer a associação evidente TVI na “Costa”/Segurança à vista.

Já na praia, cruzei-me com a equipa de reportagem da TVI que ainda por aí circulava. Falei com eles sobre o que denunciei no texto acima descrito e só depois de me afastar dos jornalistas “se fez luz na minha cabeça”…aí estava o motivo para a ronda matinal da Polícia Marítima e a demonstração de operacionalidade da GNR.

É mesmo de estranhar tal policiamento hoje, segunda-feira, em que não havia grande actividade na Costa da Caparica. Ao contrário de sábado à noite em que esta estância balnear estava cheia “como um ovo”; exemplo disso foi o tempo que demorei a encontrar um lugar de estacionamento cerca de uma hora, nesse dia não me cruzei com nenhuma autoridade apeada, (apenas com uma viatura da GNR em circulação).

No passado, quando a segurança da Costa estava entregue à PSP, era vulgar ver-se aos fins-de-semana patrulhas apeadas, ciclistas e até elementos do CI. Hoje em dia, com a GNR ainda não me cruzei com uma única patrulha apeada nas zonas de maior concentração de pessoas. O mesmo acontece com a PM, só os vejo em viaturas e a maior parte das vezes (poucas) à noite (possivelmente para caçar pescadores que vendam fora da lota).
Sou, com cordiais cumprimentos
Júlio Santos
Responder


Saltar Fórum:


Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)